domingo, 27 de dezembro de 2009

NATAL para todo aquele que crê


NATAL

Inventámos consoadas

e Meninos em palhinhas;

fizemos árvores, luzinhas,

embrulhos e embrulhadas,

muitas coisas e coisinhas

que não valem mesmo nada;

E do NATAL,

do seu sentido profundo,

dessa LUZ QUE VEIO AO MUNDO,

nem sinal.

NATAL: LABAREDA IMENSA

a iluminar o Caminho,

que o homem teima em não ver.

NATAL: ETERNA PRESENÇA,

VIDA de DEUS entre os homens,

que o homem teima em não querer.

Se todo o crente aceitar

o anúncio que Deus lhe envia,

o ESPÍRITO habita nele

como habitou Maria.

E, em cada instante que passa,

em contínua Incarnação,

vive, por Divina Graça,

um Cristo em cada Cristão.

E, tal como em Nazaré

aconteceu com Maria,

em todo aquele que crê

É NATAL em cada dia.

NATAL: TRANSFUSÃO DE AMOR

ligando a Terra e os Céus.

É NATAL todos os dias

se o Homem vive com Deus.

Luís Santiago

2 comentários:

Anónimo disse...

Muito actual, sim senhor, e fácil de compreender. Não tão fácil de passar para a vida, pois andamos demasiado ocupados com outras coisas!...

Henrique Abrantes disse...

Olá tudo bem? Eu sou do Grupo HAS e tenho interesse em colocar um banner no seu blog.
Na verdade seria uma troca, você colocaria um banner no meu blog e vice versa entre em contato comigo:
E-mail: has.25@hotmail.com
Blog: http://has02.blogspot.com